Em plena região amazônica, a fábrica do BMW Group em Manaus encontrou no céu uma forma de impulsionar a sustentabilidade em sua produção: em 2024, a planta, única fora da Alemanha a fabricar motos BMW Motorrad de forma exclusiva, instalará uma cobertura de placas de energia solar com área aproximada de 1,2 mil m².

Ao todo, serão utilizados 550 módulos fotovoltaicos sobre a planta, com potência máxima prevista de 275 kWp. De acordo com as especificações técnicas do projeto, o fornecimento será de aproximadamente 30% da atual demanda energética da unidade fabril — o que equivaleria à fabricação de cerca de 5.000 motos, considerando a capacidade anual de produção de 17.000 unidades.

“Nós começamos com uma tentativa pequena, 15 módulos instalados no estacionamento, e agora daremos um passo maior com esse projeto. Apenas para se ter ideia, a expectativa é de que, em 25 anos, mais de 2.000 toneladas de CO² deixem de ser emitidas na atmosfera. Trata-se de mais uma iniciativa da Planta Manaus alinhada com os objetivos do BMW Group, que miram reduções na emissão de CO² por veículo em 80% na produção, 50% no uso e em 20% nos fornecedores, quando comparado com 2019”, afirma Alex Donatti, Diretor da Fábrica do BMW Group em Manaus.

Inaugurada em 2016, a Planta Manaus atualmente dispõe de uma área de 15.000 m² e, com seus 10 modelos do portfólio — BMW C 400 X, BMW R 1250 GS Adventure, BMW R 1250 GS, BMW S 1000 RR, BMW G 310 GS, BMW G 310 R, BMW F 750 GS, BMW F 850 GS Adventure, BMW F 850 GS e BMW F 900 R —, responde por 99% do mercado nacional de BMW Motorrad.

Ações já desenvolvidas

Além do uso de energia solar, a fábrica do BMW Group em Manaus também conduz ações de reciclagem abrangendo 99% dos resíduos gerados, por meio do conceito ‘Zero Waste to Landfill’, isto é, sem resíduos encaminhados para aterros sanitários (os móveis da área de descanso, por exemplo, são produzidos a partir de paletes de madeira oriundos do processo industrial). Juntam-se a isso workshops e outras ações com foco em soluções sustentáveis; uma estação de tratamento de efluentes; e um sistema de reuso da água da chuva para descargas sanitárias e limpeza de áreas externas.

A planta também funciona sob políticas de baixo consumo de água e energia, por meio de um monitoramento periódico e controlado por metas (KPIs), e de baixa emissão e contenção de poluentes, com base em uma estratégia global do BMW Group. A inauguração do prédio 3 da fábrica, em 2023, por exemplo, representou, além do ganho logístico, uma projeção de queda em torno de 35% nas emissões de CO² na distribuição de motocicletas.

Por fim, a fábrica do BMW Group em Manaus, juntamente com a fábrica do BMW Group em Araquari (SC), utiliza energia de fontes renováveis e compensa proporcionalmente a emissão de CO² gerando energia limpa via Complexo Eólico de Morrinhos, em Campo Formoso (BA), iniciativa comprovada por meio da certificação I-REC.

Acompanhe a BMW Motorrad Brasil nas redes sociais:

Instagram (@bmwmotorradbr)

Facebook (@BMWMotorrad.BR)

Youtube BMW Motorrad Brasil

Twitter (@BMWMotorrad_BR)

TikTok (@bmwmotorradbr)

LinkedIn BMW Motorrad Brasil

Fábrica de Manaus

Única planta completamente focada na produção de motocicletas fora da Alemanha, a fábrica do BMW Group em Manaus (AM) foi fundada em 2016 e é responsável pela produção de 99% do portfólio de motos da marca BMW Motorrad no Brasil. Com área aproximada de 15 mil metros quadrados e capacidade de produzir até 17.000 motocicletas por ano, a planta possui ações voltadas para sustentabilidade e meio ambiente, como o uso de energia proveniente de fontes renováveis, promovendo redução na emissão de CO2, e tem certificação I-REC (International REC Standard), sistema global que possibilita a empresas garantir que a energia que consomem é proveniente de fontes renováveis e limpas. Desde 2018, a energia da fábrica é proporcionalmente compensada pela geração no Complexo Eólico de Morrinhos, em Campo Formoso (BA).

Atualmente, a fábrica de Manaus produz os modelos BMW C 400 X, BMW R 1250 GS Adventure, BMW R 1250 GS, BMW S 1000 RR, BMW G 310 GS, BMW G 310 R, BMW F 750 GS, BMW F 850 GS Adventure, BMW F 850 GS e BMW F 900 R.

Artigo anteriorMais de 1,3 mil alunos da rede estadual de ensino foram aprovados no vestibular da UEA
Próximo artigoAdaf alerta agricultores afetados pela estiagem sobre autorização para plantio excepcional da soja