O vereador Rodrigo Guedes (Progressista) pediu nesta quarta-feira, 10, ao presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), vereador Caio André, a exoneração do procurador adjunto, Ruy Lima de Mendonça.

De acordo com o memorando 049/2024GVRG/CMM, o procurador infringiu as regras de civilidade, urbanidade e respeito contra uma estagiária de direito que terá o nome preservado, vítima de assédio moral denunciado pelo Fato Amazônico.

Rodrigo Guedes justificou, ainda, que o pedido de exoneração de Ruy Silvio Lima de /Mendonça pretende não só resguardar a integridade moral do Poder Legislativo Municipal mas, também, evitar que os meios de comunicação propaguem informação de que nenhum medida enérgica foi tomada.

O pedido de exoneração do procurador foi solicitado em caráter de urgência, mas até o momento nenhuma decisão neste sentido foi adotada.

No dia 19 de junho,  Ruy Silvo Lima de Mendonça foi denunciado formalmente por importunar a estagiária com toques e beijos inconvenientes, além de propostas inadequadas e atitudes que depõem e comprometem a boa consecução e os objetivos do serviço público.

Um mês após o início dos trabalhos da Comissão Disciplinar, criada para apurar a denúncia, a postura da CMM diante de um problema de relevante gravidade é de procrastinar, nenhuma decisão, justa, capaz de restabelecer a dignidade do Poder  Legislativo Municipal, enxovalhado pelo descaramento de um senhor sem qualidades morais, que desrespeitou afrontosamente uma mulher que, no horizonte, tenta encontrar um espaço que lhe permita desenvolver com honestidade e honra as suas qualidade profissionais, foi adotada.

Independentemente do pedido de exoneração tardiamente formulado pelo vereador Rodrigo Guedes, a CMM dignou-se apenas alongar o prazo em mais 30 dias dos trabalhos da comissão oxigenando, assim, ainda mais a vil sem-vergonhice o seu procurador.

Confira

Loader Loading...
EAD Logo Taking too long?

Reload Reload document
| Open Open in new tab
Artigo anteriorÚLTIMA CHAMADA: Com inscrições abertas, selva amazônica recebe quarta etapa do XTERRA Brasil
Próximo artigoEmpresa de Tabatinga-AM produz cartelas de ovos a partir de materiais recicláveis