Prefeitura de Novo Aripuanã lança editais para contratar profissionais da educação e Agentes de Endemias

Compartilhe

A Prefeitura de Novo Aripuanã lançou dois editais de Processo Seletivo Simplificado, um deles para a contratação temporária de 168 professores, 27 monitores infantis e dez pedagogos e o outro para seleção de 11 agentes de endemias temporários, para atender as necessidades do município.

As inscrições para os cargos da área de Educação iniciaram nessa segunda-feira (24) e podem ser feitas de forma gratuita até a próxima sexta-feira (28), de 8h às 12h e de 13h30 às 17h30, na Creche Municipal Camilo da Fonseca Gonçalves. O edital totaliza 205 vagas, sendo a maior parte delas destinadas a professores para atuarem do 1º ao 5º ano da Educação Infantil e ainda prevê vagas para formados nas seguintes áreas: Língua Estrangeira, Ciências, Educação Física, Geografia, História, Língua Portuguesa e Matemática. Parte dessas vagas atenderão a zona rural do município. A carga horária é de 20h semanais, com vencimentos de R$ 1.436,75.

Há ainda 10 vagas para pedagogo, que exigem formação superior na área de Pedagogia, e terão jornada de 40h, com vencimentos de R$ 2.779,65, e outras 27 vagas para monitores infantis, que requerem apenas o ensino médio completo, com remuneração de R$ 1.149,40.

Agentes de combate às endemias – As inscrições para os novos agentes de combate à endemias tiveram início no último dia 18 de janeiro e também podem ser feitas gratuitamente até o dia 01 de fevereiro, de 8h às 12 e de 14h às 17h, na sede da Secretária Municipal de Saúde.

300x250tce

Para os selecionados para agentes de endemias, a carga horaria de trabalho será de 40 horas semanais, podendo exercer as atividades de segunda-feira a sexta-feira ou aos finais de semana, se houver necessidade, com salário de R$ 1.750.

Inscrição e seleção – Para se inscrever em ambas as seleções, é necessário preencher uma ficha de inscrição entregue no local e apresentar a documentação exigida nos editais: RG, CPF, Título e comprovante eleitoral da última votação ou certidão de quitação eleitoral, comprovante de residência, comprovante de escolaridade ou do curso de graduação (quando exigido pelo cargo) ou equivalente, na área para a qual se inscreverá, comprovante de experiência (caso possua), comprovante de títulos – certidão ou outro comprovante atestando tempo de serviço como Agente de Combate às Endemias ou professor, uma foto 3X4 e currículo vitae.

Para os profissionais da educação, também se faz necessário entregar cópias autenticadas e ou acompanhadas do original para serem autenticadas no ato da inscrição.

Os profissionais serão selecionados por meio de análise curricular, que avaliará a documentação e os títulos, e terá caráter classificatório e eliminatório, seguindo os critérios de experiência profissional, escolaridade e certificação do candidato.

O candidato deve ter idade mínima de 18 anos, ter nacionalidade brasileira ou portuguesa (neste caso, o candidato deve estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento de gozo de direitos políticos), estar em dia com as obrigações eleitorais, sendo do sexo masculino deve apresentar comprovante que está em dia com as obrigações militares, ter a documentação completa, apresentar certidão de antecedentes criminais negativa e residir no local de atuação.